Procurar
Feche esta caixa de pesquisa.

Como fertilizar adequadamente gramados de grama das Bermudas?

Desvende o segredo de um exuberante gramado nas Bermudas com nosso guia de fertilização. Obtenha uma vegetação vibrante e um crescimento denso para o espaço ao ar livre perfeito.

Seus gramados ficam incrivelmente bonitos se tiverem aquele fator de beleza verde-esmeralda. Se você também se pergunta o que pode dar aquele charme ao seu gramado, fertilize adequadamente a sua Grama Bermuda.

A grama Bermuda, conhecida por sua exuberância, prospera com aumentos de nutrientes direcionados. Mas quanto é demais? Qual é o momento certo? 

Vamos decodificar juntos a fertilização da grama Bermuda. Exploraremos como criar um plano de alimentação personalizado. Este plano é transformar o seu gramado na existência do bairro.

Você quer saber os segredos para um cabelo perfeitamente brilhante, verde e denso? Se a resposta for sim, então não vamos esperar e seguir em frente.

Fertilizar gramados de grama das Bermudas

Compreendendo a grama Bermunda

A grama Bermuda tem características únicas; ele prospera onde outros lutam. As Bermudas são absolutamente diferentes das gramíneas da estação fria, que atingem o pico na primavera e no outono. Sua especialidade é brilhar no calor do verão.

É uma grama de estação quente que cresce ativamente durante o tempo quente e fica dormente no inverno. As gramíneas da estação fria, por outro lado, preferem temperaturas amenas e ficam dormentes durante o pico do verão.

Para ambientes mais quentes esta grama torna-se a escolha ideal. Possui uma densa rede de raízes e propagação roubos

Em última análise, isso cria um gramado durável e verde profundo que pode suportar o tráfego intenso de crianças e animais de estimação. Mesmo se danificada, a grama Bermuda se recupera rapidamente devido aos seus padrões de crescimento agressivos.

No entanto, a grama Bermuda não é perfeita. Embora prospere no verão, fica inativo no inverno, ficando marrom. Embora no inverno exija menos cuidados, a secagem não ajuda esteticamente o gramado.

Além disso, manter aquele tapete verde exuberante requer mais esforço em comparação com as gramíneas da estação fria. O corte regular e a fertilização ocasional são necessários para manter a grama Bermuda em sua melhor forma.

Portanto, se você vive em um clima quente e deseja um gramado resiliente e vibrante que aguente o calor do verão, a grama Bermuda pode ser sua campeã. Basta estar preparado para se esforçar um pouco mais na fertilização para mantê-la com a melhor aparência durante todo o ano.

Grama Bermuda: necessidades nutricionais

Cada planta tem certas necessidades nutricionais. Vamos entender aqui as necessidades da planta em questão.

Para manter a grama das Bermudas prosperando, compreender suas principais necessidades de macronutrientes é extremamente importante. Avançando aqui, discutimos os requisitos específicos dos três macronutrientes principais do N, P e K em um gramado saudável das Bermudas.

Nitrogênio (N): A Máquina Verde

Azoto é a força vital do crescimento verde. É um componente chave da clorofila. Quando a grama Bermuda recebe nitrogênio adequado, ela produz um gramado mais espesso e verde. 

O nitrogênio também promove a saúde geral das plantas, aumentando a fotossíntese. Isto se traduz em um gramado mais verde e saudável, com melhor resistência aos problemas.

Fósforo (P): Construindo uma Base Forte

Para produzir uma grama Bermuda saudável, o fósforo é essencial. Principalmente nas primeiras fases de crescimento, é de extrema importância. 

O forte crescimento das raízes é incentivado, permitindo que a grama forme uma estrutura radicular profunda que melhora a absorção de nutrientes e água. 

Fósforo também auxilia na transmissão interna de energia da usina, o que promove resiliência e desenvolvimento geral.

Potássio (K): O escudo contra o estresse

Potássio, muitas vezes chamado potassa, é o provedor de resiliência. Como resultado, as paredes celulares da grama Bermuda são fortalecidas, aumentando sua resistência aos estressores ambientais, incluindo calor, seca e até mesmo frio.

Isso significa que sua grama se recuperará mais rapidamente de condições climáticas adversas e sofrerá menos danos.

Além disso, ao controlar o equilíbrio hídrico e a ingestão de nutrientes da planta, o potássio contribui significativamente para a resistência a doenças. Isso é feito reduzindo a suscetibilidade da planta a doenças bacterianas e fúngicas.

No outono, o potássio torna-se ainda mais crucial para a grama Bermuda. A grama fica melhor preparada para a estação de dormência quando um fertilizante rico em potássio é aplicado à medida que o inverno se aproxima e as temperaturas caem. 

A grama Bermuda pode tolerar as tensões do frio e ficar mais saudável graças a esta dose adicional de resistência.

Cronograma de fertilização para grama Bermuda

A Grama Bermuda, sendo o sonho de qualquer dono de gramado, deve ser muito bem cuidada. E quando se trata de cuidados, a fertilização tem um papel fundamental. 

Mas com estações distintas influenciando os padrões de crescimento das Bermudas, uma abordagem única não funcionará. Vamos nos aprofundar em um plano de fertilização personalizado para manter o gramado das Bermudas próspero o ano todo.

Esforço da Primavera

A grama das Bermudas acorda da hibernação na primavera. É hora de dar uma cutucada suave na grama quando a temperatura subir e o mundo ganhar vida com cores.

Nosso objetivo é enfatizar a “ecologização” ou o incentivo a um crescimento vibrante e exuberante. A ferramenta secreta é esta: um fertilizante de liberação lenta com maior concentração de nitrogênio (20-5-5). 

O nitrogênio estimula o crescimento das folhas da grama. Não fique louco, no entanto! Para que a quantidade precisa seja determinada, um teste de solo é essencial. 

Procure consumir cerca de 1,5 libra de nitrogênio por 1.000 pés quadrados, em média. Lembre-se de que um teste de solo é semelhante a um relatório de saúde personalizado para o seu gramado. Ele identifica quaisquer inadequações e permite ajustar sua estratégia para obter o melhor resultado.

Sobrevivência de verão

Gramado das Bermudas aproveitando a luz do sol do verão, simbolizando a sobrevivência no verão

Com a chegada do verão e o calor implacável, a grama Bermuda está crescendo rapidamente. Pense em aplicar outro tratamento em pleno verão, em junho ou julho. Para preservar aquele verde vivo e mantê-lo crescendo fortemente. 

A boa notícia é que você pode continuar usando o mesmo fertilizante de liberação lenta que você fez na primavera. Manter a consistência é essencial para o crescimento contínuo. Tomar cuidado também evita os picos de tamanho pouco atraentes que são seguidos de esgotamento nutricional.

Controle de queda

À medida que o verão passa e o outono se aproxima, é hora de preparar a grama Bermuda para o inverno que se aproxima. O foco agora muda para a preparação para o inverno.

Queremos promover a resistência ao frio para garantir que o seu gramado sobreviva aos meses gelados. Para conseguir isso, troque aquele fertilizante com teor de nitrogênio por outro com menor teor de nitrogênio. Este fertilizante também deve ter maior teor de potássio (por exemplo, 12-0-12 ou 12-4-14).

O potássio atua como um escudo protetor, fortalecendo as paredes celulares e aumentando a tolerância da grama às duras condições do inverno. Aplique esta terceira dose no início do outono, por volta do final de agosto ou setembro.

Descanso de inverno

O inverno é uma época de dormência para a grama Bermuda. Seu crescimento diminui significativamente e qualquer novo crescimento estimulado pela fertilização é vulnerável a danos causados pela geada. 

Portanto, lembre-se: a fertilização durante o inverno é proibida. Deixe seu gramado descansar e conserve sua energia para o vibrante despertar da primavera que está por vir.

Escolhendo o fertilizante certo e sua aplicação

Para ter um gramado vibrante e saudável ao alimentar a grama Bermuda, use o fertilizante adequado e aplique-o corretamente. Vamos dar uma olhada mais de perto nos fertilizantes e em algumas técnicas essenciais de aplicação.

Fast Food vs. Lento e Constante

Existem dois tipos principais de fertilizantes: liberação lenta e liberação rápida. Como o nome indica, os fertilizantes de liberação rápida fornecem ao solo um rápido aumento de nutrientes. 

Este não é o melhor para a grama Bermuda, mesmo que possa parecer bom para soluções rápidas. A absorção acelerada de nitrogênio pode causar surtos irregulares de crescimento e talvez vazar para as águas subterrâneas.

Aconselhamos o uso de fertilizantes de liberação lenta na grama Bermuda. Esses fertilizantes fornecem seus nutrientes gradualmente ao longo de semanas ou até meses, como pequenas cápsulas do tempo. 

Sem correr o perigo de desperdício de nutrientes ou danos ambientais, esta libertação regulamentada garante um fornecimento mais estável de nutrientes, promovendo um desenvolvimento estável e saudável.

Espalhando o amor uniformemente

Depois de selecionar um fertilizante de liberação lenta, a técnica de aplicação é crucial. Usar um espalhador, um instrumento útil para distribuir fertilizante uniformemente pelo gramado, é uma técnica popular. É aqui que vale a pena se preparar com antecedência:

Antes de cuidar de todo o gramado, passe algum tempo calibrando seu espalhador porque cada um é único. Depois de adicionar o fertilizante selecionado ao espalhador, altere as configurações de acordo com as instruções do fabricante e a taxa de aplicação sugerida (geralmente determinada pela quantidade de nitrogênio no fertilizante). 

Para garantir um padrão de distribuição uniforme, pratique em uma seção pequena e discreta da grama.

Água com eficiência

Água com eficiência

Regar bem a área é essencial após a aplicação do fertilizante. Isto facilita a dissolução dos grânulos de liberação lenta e os ajuda a migrar para a zona radicular. É aqui que a grama Bermuda pode absorvê-los facilmente.  

Além disso, a rega ajuda a prevenir “queima de fertilizante”, que é uma condição em que os grânulos de fertilizante concentrado entram em contato direto com as folhas da grama. Ao regar, tente molhar o solo até uma profundidade de dez a quinze centímetros.

Além da propagação das transmissões

A propagação por transmissão funciona melhor para preservar a saúde geral da grama. Às vezes, uma estratégia mais focada pode ser necessária.

Por exemplo, você pode optar por tratar seu gramado com um fertilizante solúvel em água. Esse fertilizante pode ser adaptado às regiões exatas onde há déficits nutricionais.

Um gramado saudável nas Bermudas: manutenção

Manter um exuberante gramado nas Bermudas é como cultivar um oásis verde em seu quintal. Você terá que entender que não se trata apenas de sorte – trata-se de dar-lhe o cuidado que merece.

Vamos falar sobre rega. A grama Bermuda adora uma boa bebida, mas o que importa é qualidade em vez de quantidade. A rega profunda e pouco frequente estimula as raízes a se estenderem profundamente. Isso torna seu gramado mais resistente à seca e ao estresse térmico.

Agora, vamos cortar a grama. Pense nisso como aparar a grama, não como cortá-la. O corte regular na altura certa – cerca de 1 a 1,5 polegadas – mantém a grama das Bermudas saudável e espessa, protegendo as ervas daninhas incômodas e promovendo o crescimento lateral para aquela aparência de carpete.

E por falar em ervas daninhas, imagine-as como convidados indesejados em sua festa no quintal. Fique atento ao manejo de ervas daninhas para mantê-las afastadas. 

Por favor, livre-se desses invasores o mais rápido possível para impedi-los de privar suas belezas das Bermudas de nutrientes e luz solar. Você pode removê-los manualmente ou usar um herbicida.

Além disso, não negligencie os bugs! Se não forem tratadas, essas criaturas podem causar estragos em seu quintal. Para evitar qualquer remoção de grama, esteja atento aos indícios de infestação e trate-os imediatamente.

Nunca se esqueça que manter a saúde do seu gramado das Bermudas requer apenas um pouco de amor e cuidado. Para ter um quintal que dê inveja à vizinhança, use água com moderação, corte a grama com frequência e controle ervas daninhas e pragas! 

Grama fresca das Bermudas com orvalho matinal simbolizando a manutenção saudável do gramado

Resumindo

Siga estas etapas descritas e incorpore um regime de fertilização adequado. Isso permitirá que você cultive um próspero gramado esmeralda das Bermudas que se tornará o início do bairro. 

Lembre-se de que é necessária uma fertilização consistente e adaptada às necessidades específicas das Bermudas. É uma chave importante ao longo das estações para desbloquear todo o seu potencial.  

Para uma solução conveniente e eficaz, considere a linha de fertilizantes específicos para grama das Bermudas da Hans Chem.

Hans Chem oferece fórmulas de liberação lenta enriquecidas com macro e micronutrientes. Isso é para garantir que seu gramado receba a nutrição balanceada que deseja para uma saúde e beleza ideais.

Visite Hans Chem on-line para saber mais sobre suas soluções de fertilização de grama Bermuda.

Artigos Durados para Você

Grama verde e flores vibrantes sob a luz do sol criando um cenário pitoresco de beleza natural

O que é superfosfato: preciso de superfosfato no meu jardim

Descubra como o superfosfato pode melhorar a saúde do jardim, melhorando o crescimento, as flores e o sistema radicular. Perfeito para solos com falta de fósforo.

Uma mulher segura uma cesta de vegetais e maçãs mostrando os benefícios do uso de fertilizantes orgânicos para aumentar o rendimento das colheitas

Os melhores fertilizantes orgânicos para dobrar sua colheita

Descubra os melhores fertilizantes orgânicos para melhorar o seu solo e duplicar a sua colheita. Aprenda sobre composto, estrume, farinha de ossos e muito mais para uma jardinagem sustentável.

Golden retriever correndo alegremente pela grama com uma bola na boca

O fertilizante para gramado pode machucar meu animal de estimação?

Descubra como proteger seus animais de estimação de fertilizantes prejudiciais ao gramado com nosso guia sobre práticas e produtos seguros e adequados para animais de estimação.

pt_PTPortuguese